Facebook Instagram Flickr Twitter

Papa recorda drama dos cristãos perseguidos no Oriente Médio




No encontro com Patriarca da Igreja Assiria do Oriente, Francisco falou do sofrimento em virtude da guerra e da situação de cristãos e minorias religiosas

Jéssica Marçal
Da Redação

papa_cristãos perseguidosO drama vivido pelos cristãos no Oriente Médio foi recordado pelo Papa Francisco nesta quinta-feira, 2, na audiência com o Catholicos Patriarca da Igreja Assiria do Oriente, Mar Dinkha IV.

Francisco destacou o sofrimento partilhado por ambas as partes em decorrência das guerras que atingem o Oriente Médio. Ele mencionou a violência contra os cristãos e minorias religiosas, em especial no Iraque e na Síria.

“Não há razões religiosas, políticas ou econômicas que possam justificar isso que está acontecendo com centenas de milhares de homens, mulheres e crianças inocentes”, disse.

Esse encontro com Mar Dinkha IV é, segundo o Papa, um passo a mais no caminho de crescente proximidade e comunhão espiritual entre a Igreja Católica e a Igreja Assiria do Oriente. Francisco citou a Declaração Cristológica escrita pelo Patriarca e por João Paulo II e que foi um marco no caminho rumo à plena comunhão.

“Desejo assegurar-lhe o meu empenho pessoal em continuar a caminhar ao longo deste caminho, aprofundando as relações de amizade e de comunhão que existem entre a Igreja e Roma e a Igreja Assiria do Oriente”.

 

Continue Lendo

"Anjos da guarda existem, ouçamos sua voz!”, diz Papa




No dia em que a Igreja celebra os Santos Anjos da Guarda, Papa convidou fiéis a pensar no relacionamento com esse “companheiro de caminho”

Da Redação, com Rádio Vaticano

Os anjos da guarda existem, não são uma doutrina fantasiosa, mas companheiros que Deus colocou ao lado do homem no caminho da vida. Foi o que disse o Papa Francisco na homilia desta quinta-feira, 2, na Casa Santa Marta, no dia em que a Igreja celebra a memória dos Santos Anjos da Guarda.

Francisco fala dos anjos da guarda como companheiros que Deus enviou para a vida humana / Foto: L'Osservatore Romano

 Francisco fala dos anjos da guarda como companheiros que Deus enviou para a vida humana. / Foto: L’Osservatore Romano

Continue Lendo

“Vinde a mim”! Convite de Jesus é atual, explica o Papa

Vinde a mim”. Esse convite de Jesus, explica Francisco, se estende até os dias atuais, para chegar a muitos que estão oprimidos

Da redação, com Rádio Vaticano

Angelus deste domingo, 6, o Papa Francisco refletiu sobre o convite de Jesus no Evangelho de hoje: “Vinde a mim, todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso dos vossos fardos, e eu vos darei descanso” (Mt 11,28).

O Santo Padre recordou que esta mensagem de Jesus era essencialmente dirigida à todas as pessoas que Jesus encontrava diariamente pelas estradas da Galileia. “Tanta gente simples, pobres, doentes, pecadores, marginalizados… Essas pessoas procuraram sempre Jesus para ouvir Sua Palavra. Uma Palavra que dava esperança… e também para tocar até mesmo a orla do seu manto”, disse o Papa.

Continue Lendo

“Renovo meu apelo mais veemente pela paz na Síria”.

Francisco lembrou, incisivamente, a situação da Síria e pediu o cessar da violência, propondo paz para região

Num encontro afetuoso, o Papa Francisco dirigiu-se aos refugiados que estão na Jordânia, originários da Síria e Iraque, regiões de constantes conflitos. O encontro aconteceu na tarde deste sábado, 24, na Igreja Latina de Betânia. Deste momento, participaram cerca de 600 pessoas, dentre estes também, alguns jovens portadores de deficiência.

No discurso, o Papa fez forte apelo à comunidade internacional em favor da Jordânia,  pedindo que não a deixe sozinha no enfrentamento da emergência humanitária, provocada pela chegada do alto número de refugiados à região.

Continue Lendo

Papa se reunirá com familiares de vítimas da máfia italiana

O Papa Francisco se reunirá na próxima sexta-feira, dia 21,  em uma igreja próxima ao Vaticano com 700 familiares de vítimas do crime organizado, com a associação católica antimáfia Libera, anunciou conforme um anúncio feito pela Santa Fé.Este encontro, o primeiro deste tipo, será realizado na véspera do XIX "Dia de Memória e do Compromisso", organizado pelo fundador do Libera, Don Luigi Ciotta, em Latina, ao sul de Roma.

O Papa se reunirá com os familiares das vítimas na igreja de San Georgio VII, do outro lado dos muros do pequeno Estado.

Em linha com seus antecessores João Paulo II e Bento XVI, o papa Francisco demonstrou ser muito sensível à luta contra os tráficos e o crime organizado.

Libera é uma associação voltada para a luta contra as máfias italianas, principalmente a 'Cosa Nostra', originária da Sicília, a 'Ndrangheta', da Calábria, e a 'Camorra', de Campania". Ela se especializou, entre outras coisas, na reconversão de bens confiscados destas organizações.

Fonte: Noticias.terra.com.br/mundo

CNBB abre Campanha da Fraternidade de 2014

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) abriu hoje (5) a Campanha da Fraternidade de 2014, com o tema Fraternidade e Tráfico Humano e o lema É para a liberdade que Cristo nos libertou.  A solenidade oficial do lançamento nacional da campanha será às 14h, na sede da CNBB, em Brasília. Em Goiânia, a abertura aconteceu durante a manhã, com apresentação do tema pelo arcebispo Dom Washington Cruz, na Catedral Metropolitana.

O bispo auxiliar de Brasília e secretário-geral da CNBB, dom Leonardo Ulrich Steiner, presidirá a cerimônia, na qual será divulgada mensagem do papa Francisco para a Campanha da Fraternidade. O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, o ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Marcello Lavenère e a secretária executiva do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic), pastora Romi Márcia Bencke, confirmaram presença na solenidade.

Continue Lendo

Vaticano contra leis anti-homossexuais no Uganda

Criticando a legislação aprovada no Uganda, o cardeal Peter Turkson, presidente do conselho pontifício para a justiça e a paz, afirma que "os homossexuais não são criminosos

Os homossexuais não são criminosos", afirma o cardeal do Vaticano, Peter Turkson, criticando a legislação antigay do Uganda recentemente aprovada. Para o representante religioso do Gana, presidente do conselho pontifício para a justiça e a paz, os homossexuais não devem por isso ser sentenciados a passar a vida na prisão.

Em Bratislava, onde participa numa conferência sobre a Igreja Católica e os Direitos Humanos, o cardeal apelou também à comunidade internacional para não deixar de ajudar o país.

Promulgadas no final de fevereiro, as severas medidas anti-homossexualidade em vigor no Uganda têm levado muitos países a cancelar ajudas. Enquanto o Banco Mundial, por exemplo, adiou um empréstimo de 90 milhões de dólares (mais de 65 milhões de euros) para o sistema de saúde do país, a Suécia anunciou esta quarta-feira a suspensão do pagamento dos seus apoios.

"A ajuda sueca não é incondicional. É por isso que o Governo opta por suspender os pagamentos a partir de um Estado para outro ", anunciou num comunicado a ministra da Cooperação, Hillevi Engström.

A decisão da Suécia -  cujo valor das ajudas não foi especificado - segue a posição de outros países europeus, como a Dinamarca, a Noruega e a Holanda.

Como estes países, a Suécia vai continuar a apoiar a sociedade civil. "Queremos apoiar e melhorar a situação dos homossexuais , bissexuais e transexuais", refere a ministra.

Fonte: expresso.sapo.pt/vaticano

Vendedor de picolé usa R$ 15 mil para chamar atenção de Ana Maria Braga

Ele enfeitou o carrinho que trabalha com fotos da apresentadora da Globo.
'Meu maior sonho é conhecer ela e o Louro José', diz fã da loura.

Para o vendedor de picolés Valdeci Oliveira, a paixão pela apresentadora Ana Maria Braga, da Rede Globo, não tem preço. Morador de Caldas Novas, no sul de Goiás, ele gastou R$ 15 mil para customizar o carrinho que usa para trabalhar com fotos da artista e do seu programa, o Mais Você. Tanto esforço, segundo ele, por "amor"

A ideia de plotar o carro com fotos da apresentadora surgiu na época em que ele teve câncer. "Tinha uma pessoa aqui na cidade que também teve a doença e morreu. Na mesma época, a Ana, graças a Deus, conseguiu se curar. Desde então, fiquei muito fã dela", conta.

Valdeci diz que foram necessários dois anos para que o carrinho ficasse dois anos da forma como está atualmente. Além dos adesivos, o instrumento de trabalho também tem som com CD, espelho retrovisor e vários enfeites. A verba para o trabalho, segundo ele, foi obtida somente através da venda de picolés. "Aqui passaram milhares de turistas que me ajudaram", afirma.

Para ele, a homenagem pode fazer com que ele consiga estar perto de quem tanto admira. "Meu maior sonho é conhecer ela e o Louro José. E se for possível, levar o carrinho junto para ela ver", idealiza.

Fonte: g1.globo.com

Documento de registro de carro onde estava R$ 1,3 milhão é falso, diz PF

Picape tem registro feito com documentos falsos no nome de uma mulher.

Veículo com cédulas de real e dólar foi localizado no aeroporto de Goiânia.

A Polícia Federal em Goiás constatou que é falsa a documentação utilizada para realização do registro do carro onde foi encontrado R$ 1,3 milhão em notas de dólar e real, no Aeroporto Santa Genoveva em Goiânia. Segundo informações da assessoria de imprensa da PF, o carro está registrado no nome de uma mulher, porém, como os documentos apresentados são falsos, a polícia ainda não identificou o real proprietário do veículo. Ainda de acordo com a polícia, os documentos do antigo proprietário também são falsos.

O dinheiro foi encontrado pela Polícia Militar após o recebimento de uma denúncia anônima, feita por meio de um orelhão. Abandonado desde o último dia 27 no local, o veículo, uma Fiat Strada, estava aberto, com chaves e documentos quando foi encontrado pela polícia na terça-feira (4).

As câmeras de segurança da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) não funcionavam no dia em que o carro foi deixado. Por isso, a PF requisitou as imagens das câmeras da empresa responsável pelo estacionamento do aeroporto. Segundo o supervisor da empresa, serão pesquisadas todas as imagens do dia 27, até que seja identificada a placa. Porém, existe a possibilidade de que o motorista não seja identificado já que das duas entradas do estacionamento, apenas uma filma o rosto de quem dirige o veículo.

Suspeitos
Apesar dos documentos falsos, a Polícia Federal já identificou quatro pessoas que podem ter relação com o caso. A suspeita é de que parte do dinheiro tenha sido sacada em uma agência da Caixa Econômica Federal, na capital. Alguns pacotes continham a identificação do banco.

Após contar as notas, a PF informou ao G1 que dentro da bolsa havia US$ 507 mil dólares. Já em real, foi contabilizado R$ 95 mil. Conforme a conversão feita pela polícia, o dinheiro somado corresponde a R$ 1.364.000,00. De acordo com a PF, o valor será depositado em uma conta judicial e vai ficar à disposição da Justiça. Na tarde desta quarta-feira (5), com a retomada do expediente normal na polícia, deve ser definido para qual delegacia especializada a investigação será encaminhada.

De acordo com a delegada federal Marcela Rodrigues Siqueira Vicente, plantonista responsável pela investigação preliminar do caso, os suspeitos ainda serão ouvidos. “Foi instaurado um procedimento por evasão de divisas, pois para transportar valores acima de R$ 10 mil a pessoa precisaria de uma declaração de valores feita a Receita Federal, o que não foi encontrado. Pelo local em que o dinheiro foi encontrado, provavelmente, ele chegou de outro país ou iria sair de maneira ilícita”, disse.

A delegada também apura se o dinheiro é fruto de tráfico de drogas ou se seria usado para compra de votos durante as eleições. “Tudo ainda é apurado e não descartamos nenhuma dessas possibilidades”, ressaltou.

Fonte: g1.globo.com

Igreja católica celebra início da Quaresma

Período se estende até o domingo de Páscoa.

Diversas paróquias de toda cidade tiveram celebrações durante a manhã.

Teve início nesta Quarta-Feira de Cinzas a Quaresma, período que vai até o domingo de Páscoa, que é marcado pela abstinência da carne e pela devoção a Deus para renovar a aliança da ressurreição na fé.

Na paróquia de Nossa Senhora de Nazaré, em São Luís, as celebrações começaram cedo. Diante do altar, o sentimento maior de amor a Cristo. "Nós teríamos que fazer o propósito da conversão. É um chamado muito forte que o Senhor nos faz. A Quaresma nos vem para uma preparação para a Páscoa, que é o tempo maior para nós, cristãos, principalmente católicos", explicou o advogado Antônio Rabelo.

Orações foram atos repetidos desde as primeiras horas desta Quarta-Feira de Cinzas, em todas as igrejas católicas do mundo. A igreja baseia-se na simbologia do número 40, com muitos significados na bíblia, como: 40 dias de dilúvio; 40 dias de peregrinação do povo judeu pelo deserto;
40 dias de Moisés na montanha; 40 dias que Jesus passou no deserto, antes de começar a vida pública como o maior pregador, por isso o grande momento que antecede a celebração pascal.

Até o roxo dos paramentos litúrgicos, usados pelos religiosos têm um significado especial. "Nesse período a igreja se desfaz um pouco mais dos tons festivos e, como é próprio da Quaresma, o recolhimento para o encontro com Deus, para a penitência", afirmou o padre Clemilton.

Penitência, jejum, reflexão, perdão. Palavras que vão ser repetidas muitas e muitas vezes, em todos os atos litúrgicos, até o dia da ressureição de Cristo, um dos pontos altos do catolicismo, celebrados por milhões de fiéis espalhados pelo mundo.

Fonte: g1.globo.com

Rua Cardeal, esq. c/ Al. Rouxinóis s/n , Qd 43, Lt 05, Parque das Laranjeiras, Goiânia-GO - CEP 74855-220
Segunda-feira das 14h às 18h. Terça-feira a sexta-feira das 08h às 11:30 e das 14h às 18h. Sábado das 08 às 11:30
62 3249-1933 | 9671-7491 (vivo) | 9105-2028 (claro) | 8405-2927 (oi) | 8227-6917 (tim)